The Walking Dead Rpg


 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 [FP - Jason Hardy]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Jason Hardy

avatar

Mensagens : 1
Pontos : 3
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/04/2015
Idade : 27
Localização : Atlanta, Geórgia

Ficha do personagem
Vida:
1000/1000  (1000/1000)
Energia:
100/100  (100/100)
Fome:
100/100  (100/100)

MensagemAssunto: [FP - Jason Hardy]   Sex Abr 17, 2015 11:47 am




Jason
informações primordiais:


Nome Completo: Jason Edgar Hardy
Idade: 25
Data de Nascimento: 18/11/1989
Cidade Natal: Chicago, Illinois
Cidade Atual: Atlanta, Geórgia
Classe: Sobrevivente
Ocupação: Militar
Photoplayer: Max Thieriot


aspectos físicos:


Jason é portador de uma compleição física respeitável – não demasiadamente vigoroso, mas tampouco desprovido de massa muscular. Por estar servindo ao Exército desde a maioridade, acabou por desenvolver-se de maneira bastante natural. Detém seus 1,79 m e mantém um peso adequado para a altura. Tem olhos verdes, de aspecto impassível, e um rosto essencialmente esbelto. No que diz respeito às vestes, é comumente achado trajando o fardamento militar; quando não é este o caso, utiliza roupas banais de um típico rapaz de sua idade: camisas neutras, calças idem e tênis casuais.  

aspectos psicológicos:


Quando se trata do psicológico de Jason, este é um problema do qual ele vem tentando amadurecer a cada ano, embora o modo normalmente ríspido faça parte de sua natureza há tempos. Detentor de um humor azedo, sente aversão em socializar-se, e por isso prefere gastar a maior parte de seus dias isolado, pondo a mente a pensar sem a intervenção de outrem. Talvez pelo passado cinzento, com a morte prematura dos pais, ele tenha desenvolvido essa barreira invisível de desconfiança e desafeto. O Exército lhe proporcionou uma maneira aceitável de extravasar suas frustrações, e hoje sente-se um pouco mais tolerante em relação às opiniões alheias. Numa situação de desordem, consegue exalar uma frieza incontestável.

história:



O início:

Nascera de uma família de classe média nas redondezas de Chicago, principal cidade de Illinois. Os Hardy costumavam levar uma vida pacata, sem grandes alvoroços no cotidiano, mas eram felizes, e isso parecia bastar. Jason gostava de frequentar os jogos da Liga Americana de Futebol com o pai, ou de ir pescar nas tardes ensolaradas de domingo; seus dois grandes passatempos.

A vida, porém, é atroz o bastante para arrancar das pessoas sua única razão para seguir adiante, e lança seus truques quando menos se espera. Mal beirando a atmosfera febril da adolescência, Jason sofrera o primeiro dos vários baques em sua vida: a morte precoce dos pais. Fora um acidente de carro numa viagem de Chicago a Rockford. Ele próprio estava no veículo, sentindo o olhar da morte rodeá-lo quando o pai perdera o controle do carro, mas por alguma irônica razão, acabou sendo o único a sobreviver. A dor daquele dia jamais deixara de rodopiar sua mente, e por mais que tentasse afastar estas lembranças, elas insistiram em seguir ao seu lado.

Na época, órfão e desnorteado, acabou por ser enviado para a casa dos tios paternos, em Atlanta, na Gerógia, um lugar incrivelmente longe da residência onde crescera. Mas ele enxergava as mudanças de ares como um acontecimento profícuo. No geral, os tios eram pessoas decentes, prestativas, contudo estritamente religiosas, o que acabou por ocasionar em certas desavenças entre eles. Ainda assim, Jason continuou a subsistir, tentando retomar a vida da maneira mais espontânea possível.

O meio:

Anos foram postos para trás desde o fatídico dia da morte dos pais. Agora, prestes a adentrar a maioridade, optara por alistar-se no Exército dos Estados Unidos, de alguma maneira seduzido pela forma como os soldados emanavam uma força de vontade quase infindável nas situações de risco. Serviam como uma inspiração para ele. O início das provações não foi fácil. Posto em situações de difícil e excessivo sofrimento, sua capacidade de superação foi testada incansavelmente.  Jason, contudo, alcançou sua aceitação. Foi esse o início de sua bem-sucedida carreira militar, seguindo-se até os dias desordenados da atualidade.

Desde então, resolvera afincar-se em Atlanta, tornando-a sua moradia. Criara um certo respeito pela cidade, e retornar a Chicago não traria vantagem alguma a essa altura. O Estado da Geórgia, aliás, era um dos focos do “apocalipse”, como costumavam chamar. Os soldados foram um dos primeiros a ser informados sobre os bizarros acontecimentos nas cercanias da cidade, e já começaram cedo a especular a possível causa para aquela balbúrdia.

Prólogo:

Despertara em seu catre numa zona militar de Atlanta. O dia nascera estranhamente calmo para os parâmetros atuais. Com um sol minguado derramando-se no interior do aposento coletivo dos soldados, Jason acordara meio desorientado, sentindo o corpo fraquejar um pouco enquanto livrava-se da moleza do sono. Olhou em volta e viu alguns poucos colegas já de pé, todos envergando suas fardas. Uma figura então aproximou-se do local onde Jason se mantinha confortavelmente deitado. Era Chris Hewlett.

– Hey, Jay! – Era assim que Chris sempre costumava cumprimentá-lo. “Hey, Jay”. – Não acha que descansou o bastante? Acorda, cara, antes que receba uma advertência por essa preguiça interminável – dissera, trazendo um sorriso matreiro ao rosto bronzeado.

Após um bocejo generoso, Jason o fitou com um certo descaso.

– E por que tão cedo? Achei que hoje as atividades fossem ser internas, nada de...
– Engano seu – interrompera Chris, e deixou um escapar um breve riso provocativo. – Nós vamos fazer uma ronda. Recebemos mais denúncias logo cedo, e grupos serão separados para patrulhar a cidade. Você foi um dos felizardos a receber o convite. Agora vista-se, parceiro; vamos sair em poucos minutos.

Jason, mesmo a contragosto, fez o que fora solicitado. Sentia-se estranhamente exausto naquela manhã. Mas o que podia fazer? Como um condecorado soldado, estava designado a praticar isso. Não sabia quem havia iniciado todo o mal-estar vigente, mas era seu papel amainar o conflito.

Era apenas mais um dia de trabalho diante do caos.

Informação Extra


Analise e distribua os seguintes pontos nas opções a seguir:
Atributos Físicos [5 pontos]
- Força - 2
- Constituição - 1
- Destreza - 1
- Agilidade - 1

Atributos Mentais [5 pontos]
- Inteligência - 1
- Força de Vontade - 2
- Percepção - 2
- Carisma - 0

Perícia

Sobrevivência: Você consegue ter maiores noções sobre como sobreviver em situações de risco. Como se alimentar, onde ficar, construir abrigos, fazer armes, etc.


thanks skylar!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
[FP - Jason Hardy]
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Missão Especial] - Caça ao Matador de Espíritos - Jason Gaither e Carlos Adão
» [Arena] Primeira Arena de Combates: Jason x Tess
» Missao rafa, Perseu e Jason
» New Jersey By Night - A Espada de Caim
» Votação quem é mais feio

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
The Walking Dead Rpg :: Criação de Personagem :: Ficha de Personagem :: Em Espera-
Ir para: